• Palmas - TO, 13.04.2021

Ana Paula, secretária de Assistência Social de Tocantínia

  • Cidades
  • 28/11/20 08:31
  • Divulgação

Tocantínia será um dos destaques no seminário internacional promovido pelo Ministério da Cidadania

Por Zacarias Martins

Começa nesta terça-feira, dia 1º e vai até  quinta-feira, dia 3 de dezembro,  o  III Seminário Internacional do Programa Criança Feliz, promovido pelo Ministério da Cidadania e que vai debater  os impactos nas políticas de atendimento à primeira infância.

O evento contará com a participação de representantes da  Organização das Nações Unidas no Brasil e   de mais   12 países,  bem como,  do Programa Conjunto Fundo ODS (Objetivos do Desenvolvimento Sustentável),  do Banco Mundial, além de coordenadores estaduais, governadores e secretários estaduais e municipais de Assistência Social.

No Estado do Tocantins, Tocantínia foi o município escolhido para apresentar suas práticas com o Programa Criança Feliz. O município foi o primeiro no Brasil a realizar visitas de atendimento à primeira infância nas comunidades indígenas.

De acordo com  a secretária de  Assistência Social de Tocantínia, Ana Paula Ribeiro de Andrade., nas atividades desenvolvidas, foram priorizados o respeito  à cultura e  a tradição do Povo Akwe.  A partir deste modelo, houve a expansão dessa forma de atendimento em outras localidades indígenas no país. O município tornou-se referência estadual e agora nacional e internacional.

Sobre o Programa

Coordenado pelo Ministério da Cidadania por meio da Secretaria Especial do Desenvolvimento Social, o Criança Feliz é um programa que tem o objetivo de apoiar e acompanhar o desenvolvimento infantil integral na primeira infância (crianças de 0 a 6 anos de idade) e facilitar o acesso da gestante, das crianças na primeira infância e de suas famílias às políticas e aos serviços públicos que necessitam.

“Em Tocantínia, o  programa se desenvolve por meio de visitas domiciliares que buscam envolver ações de saúde, educação, assistência social, cultura e direitos humanos. As visitas fazem parte das  ações de políticas públicas implementadas pela administração do prefeito Manoel Silvino, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social. Ficamos muito felizes pelo reconhecimento do nosso trabalho pelo Ministério da Cidadania”, finalizou Ana Paula.